Estratégias e Sistemas de Produção

Estratégia de produção é a definição do conjunto de políticas para a função Produção de uma empresa. Ela está intimamente ligada com os objetivos da organização e evidencia como suas vantagens competitivas são obtidas e postas em prática.

Para estabelecê-la, é necessário definir quais critérios de desempenho são importantes para o negócio, visando potencializar suas vantagens competitivas. De forma sintetizada, esses critérios são agrupados em quatro grupos, sendo eles Custo, Qualidade, Prazo e Flexibilidade.


Sistema de produção por sua vez é o conjunto de atividades e operações que, em conjunto, determinam o resultado global do sistema. Cada sistema de produção é relacionado a estratégias de produção diferentes, dado os critérios de desempenhos inerente a cada um.

O diagrama abaixo ilustra de forma simples como é visto um sistema de produção, sendo a Estrada os materiais, informações, funcionários e instalações processadas, ou Transformadas em Saídas, que são os produtos ou serviços.





Para facilitar o entendimento de suas características, os sistemas de produção são classificados de várias formas, sendo que os analisaremos com relação ao seu Grau de Padronização. Por essa ótica, os produtos são padronizados ou sob medida.


Os produtos padronizados são produzidos em grande escala, encontrados no mercado assim que desejados e com alto grau de uniformidade. Em geral, são produzidos para estocar (o que caracteriza um ambiente Made-to-Stock, MTS, leia mais sobre aqui).

Como consequência, as entradas do sistema, seus processos produtivos e suas saídas (produtos) tendem a ser mais facilmente padronizados, o que contribui para a eficiência do sistema quanto a seus custos, porém por vezes comprometendo a flexibilidade.

Alguns exemplos são automóveis, eletrodomésticos, a maioria das roupas e bens de consumo em geral.



Produtos sob medida, porém, são produzidos para o cliente que os solicitou. Isso implica que, via de regra, determinada etapa da produção deve aguardar a manifestação do cliente para ser executada (característica de um ambiente Made-to-Order, MTO).

Como consequência, a empresa deve prezar para que o prazo seja cumprido ao atender o cliente. Isso resulta em capacidade disponível para grandes variações e dificuldade em padronizar entradas, processos produtivos e saída. Essas características, porém, exercem pressão sobre os custos.

Produtos sob medida são, por exemplo, navios, alta-costura, óculos de grau e demais produtos personalizados.


Essas são apenas alguns exemplos de como o Sistema de Produção impacta na Estratégia de Produção e seus critérios de desempenho, o que reforça a importância de um planejamento da produção em consonância com o planejamento da empresa.



Posts Recentes
Arquivo
Siga-nos!
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon